Facebook: 5 coisas que você precisa saber sobre a parceria Dilma e Zuckerberg

Loading...


Facebook: 5 coisas que você precisa saber sobre a parceria Dilma e Zuckerberg


O governo brasileiro fechou uma parceria com Facebook que deve impactar a rotina de milhares de pessoas. O objetivo da colaboração é aumentar a inclusão digital no país, garantindo que mais gente tenha acesso a serviços nas áreas da saúde, educação, cultura, trabalho e tecnologia. O acordo foi fechado entre a presidente Dilma Rousseff e Mark Zuckerberg, em encontro ocorrido na última sexta-feira (10), na Cidade do Panamá, capital da República do Panamá.

O primeiro fruto desta colaboração será desenvolvido na favela de Heliópolis, em São Paulo. “Este é um local de baixa renda com cerca de 200 mil pessoas na maior cidade do Brasil. Nós vamos entregar Wi-Fi rápido e gratuito para todos nesta comunidade, para que eles possam acessar serviços básicos de internet em seus celulares”, anunciou Zuckerberg.
Dilma explicou que o planejamento será feito em conjunto. “A partir de agora, nós vamos fazer estudos em comum até que, quando chegar em junho, possamos desenhar um projeto comum cujo objetivo fundamental é a inclusão digital”, disse.
“Consideramos que o Facebook é um dos grandes produtos que geraram essa revolução, que é similar ao que aconteceu com a energia elétrica quando o mundo foi iluminado. Agora o mundo também é iluminado, só que pelo acesso ao conhecimento”, completou a presidente.
Entenda no que consiste a parceria.
Qual foi a ocasião do encontro?
O fundador do Facebook e a presidente do Brasil se encontraram em função da VII Cúpula das Américas, que aconteceu nos dias 10 e 11 de abril, no Panamá. Ambos participaram do Fórum Empresarial das Américas, que aconteceu previamente ao evento principal. Criada pela Organização dos Estados Americanos (OEA), a cúpula reúne os chefes de Estado do continente americano.
No que consiste o projeto realizado pelo Facebook e governo brasileiro?
A ideia é que o Facebook disponibilize o aparato tecnológico para instalação de uma rede de Wi-Fi gratuita em locais carentes. Assim, as pessoas podem ter acesso a serviços como informações sobre postos de saúde, atendimento legal e bibliotecas online, a partir de seus smartphones.
No que isso vai beneficiar a inclusão digital?
Pessoas que atualmente não têm acesso à Internet poderão navegar com conexão de boa qualidade. Nas palavras de Zuckerberg: “A presidente e eu acreditamos que todos devem compartilhar dos benefícios sociais e econômicos da conectividade.” 
Assim, quanto mais pessoas conectadas, uma camada maior da população terá acesso a serviços básicos.
Favela de Heliópolis será o primeiro local beneficiado com parceria (Reprodução/Facebook)Favela de Heliópolis será o primeiro local beneficiado com parceria (Reprodução/Facebook)
Onde o programa será implementado?
Neste primeiro momento, o único lugar definido para receber o programa foi a favela de Heliópolis, na cidade de São Paulo. No entanto, a parceria firmada entre o governo brasileiro e o Facebook pode gerar outros projetos no futuro.

 parte do Internet.org?
Durante o Fórum Empresarial das Américas, o CEO do Facebook apresentou o projeto “Internet.org”, que tem por finalidade promover acesso à Internet em áreas emergentes ao redor do mundo. O programa estima atingir cerca de 3 milhões de pessoas.
Vários países já estão incluídos, entre eles Panamá, Colômbia, Guatemala, Tanzânia, Zâmbia e Quênia. Mas o Brasil não faz parte do projeto. A ação desenvolvida na favela de Heliópolis foi classificada pela rede social como uma “extensão do Facebook na Comunidade”.


Facebook: 5 coisas que você precisa saber sobre a parceria Dilma e Zuckerberg Facebook: 5 coisas que você precisa saber sobre a parceria Dilma e Zuckerberg Reviewed by Guilherme Gomes on 22:29:00 Rating: 5

Nenhum comentário: